13
Dezembro
 
SOBRE UM CHIQUEIRÃO DE LAMA, LEITÃO USA RÁDIO EM SINOP PARA RECEBER DINHEIRO DE PROPINA

Costumo acordar cedo, muitas vezes antes mesmo do sol nascer e isso têm virado habito que aprendi com o tempo e desde que acordo, costumo tomar um tempinho no café para ouvir, ler e assistir a maioria dos jornalísticos possíveis da nossa região, por mais que alguns deles não consigam esconder a parcialidade e o puxa-saquismo com os políticos que os bancam. Mesmo assim é interessante ouvir o que falam, o que pensam e o que expressam para confirmar que milito do lado certo

Ao longo deste ano a rádio comunitária de Sinop dedicou longas horas a críticas a gestão da presidente Dilmar Roussef e praticamente fez campanha para o impedimento de que ela comandasse o executivo federal. Quem não conhece o dono da voz até acredita, mas quem toma um pouquinho do seu tempo em Sinop e ouve ou lê os noticiários sabe que aqueles que falam de tudo, falam apenas o que seus donos políticos mandam, esses sim, são os velhos conhecidos como "papagaio de pirata".


Pois bem, depois dessa militância, das críticas, da torcida dos coxinhas, a presidente da republica caiu, mas caiu de pé. É fato que um dos líderes do movimento foi o deputado federal Nilson Leitão (PSDB), que para conseguir algumas influência no Congresso, usou da mídia e do dinheiro público para bancar os mesmos, o problema é que o tempo passa e o mundo da voltas e hoje quem está afundando em um chiqueirão de lama, de denúncias por corrupção quem mesmo? A Dilma? Não, Leitão e a rádio dele, ou da família (ex-sogro, juridicamente continua sendo da família) fora outras que não é da família que ainda não veio a tona, isso porque a cada depoimento na operação Remora vem a público novas denúncias de corrupção contra o tucano defensor da moralidade, dos fazendeiros que bancam sua campanha afim de facilitar uma boquinha.


O delator disse que Leitão tirou dinheiro das escolas para pagar dívidas da campanha dele, e sabe qual foi o caminho para o dinheiro sair da conta da empreiteira para ser esquentado? A conta no banco da rádio dele em Sinop. Sim, e não sou eu que estou falando, mas sim o delator do processo. E agora, o que os digníssimos da rádio vão falar?


Espero que pelo menos venham a público pedir desculpas, porque do deputado não espero mais nada. Alias o nobre deputado anda bem sumido, mas relaxa, dia 17 tem depoimento do Pirminio, ex-secretário de educação que esta preso e segundo o delator foi colocado no governo pelo deputado Nilson Leitão, será que ele vai abrir o bico?


Ah, segundo o delator a propina seria de R$ 20 mil, depositados em cheques de R$2.500 para alimentar os coxinhas que não sabe dar:


HONRA A QUEM TEM HONRA


Por: João B. da Silva (JOÃO MAGUILA)

  Nome: David Ewald
  E-mail: cattleyaewaldensii@hotmail.com
  Publicado às: 13/12/2016 - 09:48:45
  Cidade: Sinop-MT

Nesse país tinha que haver pena de morte para esses políticos que cometem tais situações e ainda fazer a família pagar o extraviado do Estado e União.
1
Comentários    |    Comente esta matéria
Pesquisar:
 
Postagens:
Quem sou eu

Sou uma pessoa extremamente revoltada com a desigualdade social, e com as pilantragens de alguns políticos, acho lamentável que os nossos representantes não tenham coragem de enfrentar os problemas do nosso país, em especial no meu estado de Mato Grosso.