Publicidade:
28 de Maio, 2020 - 20:05
Bolsonaro acena com vaga no STF a Aras, atual procurador-geral

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) acenou com uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF) ao atual procurador-geral da República, Augusto Aras. A “quase promessa” foi feita na noite desta quinta-feira (28/05), durante transmissão ao vivo pelas redes sociais.

“Tem uma vaga prevista pra novembro e outra pro ano que vem. O Aras, nessas duas vagas… não tá previsto o nome dele. Costumo dizer que tenho três nomes, que não vou revelar, que eu namoro pra indicar pro STF. Um vai ser evangélico, tenho um compromisso com a bancada evangélica. Uns dizem que tá confundindo com religião. Tem nada a ver, tem nada a ver. Ele tem que ter conhecimento e realizar o seu papel ali. […] O Augusto Aras, se aparecer uma terceira vaga, o Augusto Aras entra fortemente na terceira vaga”, declarou o presidente.

A afirmação ocorre em momento tenso, com tensão em elevação entre o presidente da República e o STF. Aras, como chefe do Ministério Público, é ponto central nessa relação, porque cabe a ele liderar o órgão responsável por fiscalizar as ações dos três poderes.

O chefe da PGR, por exemplo, é instado a dar pareceres em processos no Supremo, como o inquérito das fake news que tanto atormenta Bolsonaro ou na investigação das declarações do ex-ministro da Justiça Sergio Moro sobre alegada tentativa de interferência política do presidente na Polícia Federal.


Fonte: Metropolis
Publicidade:
Publicidade:
Publicidade:
Publicidade:
Redes Sociais