Anuncie Aqui    |    Denuncie    |    Contato    
 
 
 
 
 
 
 
 
 
   
Bem Vindo ao Nortão Notícias, 28 de Junho de 2017
Pesquisar no site
OPINIÕES
     
29/05/2017
Cinquenta Tons de Riva
Não é conto de fadas! Estamos próximos de acompanhar o desfecho da figura política conhecida por ser o ''maior ficha suja do país'' ou é apenas o desenrolar de mais um capítulo sem fim?

Preso por um período de seis meses e posto em liberdade em Abril do ano passado, nem mesmo o voto  favorável do falecido Teori Zavascki ex ministro do STF foi suficiente para manter a prisão de José Riva, conhecido como ''maior ficha suja do país'', por responder a dezenas de processos, melhor dizendo, centenas deles.

Há muito tempo essa personalidade política me intriga com sua imponência política no estado e principalmente na capital de Mato Grosso. Este colaborador VIP da Justiça que ultimamente resolveu dar nome aos bois conseguiu a façanha de ser eleito e reeleito ao pleito de Deputado Estadual em cinco mandatos eletivos num período de vinte anos sempre cercados de escândalos, denúncias de corrupção, peculato, improbidade, formação de quadrilha e por aí vai.

Assim como na Trilogia Cinquenta Tons de Cinza, José Riva possuía em suas legislaturas da Casa de Leis de Mato Grosso um amor obsessivo pelo dinheiro e poder. Diferente de Christian Gray, personagem principal do livro que interpreta um homem dominador, sedutor e atraente, adepto ao sadomasoquismo, Riva, a meu ver foi apenas uma adaptação à corrupção sórdida e desmedida dos políticos calhordas e corruptos do nosso país que se beneficia dos privilégios do poder e da fragilidade do sistema interno e externo.

Fica evidente que sua condenação em Março deste ano a 21 anos de prisão por peculato e lavagem de dinheiro na Operação Arca de Noé não é mera coincidência. Após esta condenação ele resolveu colaborar com a justiça e ao romper o silêncio ao que me parece está provocando um efeito amedrontador um tanto que sombrio entre vários políticos de Mato Grosso.

Réu confesso, observo que viver honestamente na vida pública nunca foi a ''praia'' do Ex Deputado José Riva. Segundo ele em sua delação premiada, o''mensalinho''na Assembléia Legislativa de Mato Grosso sempre existiu em governos antecessores e que agora vem à tona em sua delação vários nomes do cenário político atual e do passado.

Tendo dito isto, a história de Riva foi baseada em sua própria trajetória política cujo protagonismo foi impiedoso com a população mato-grossense que acreditou durante décadas nas propostas eleitorais proferidas pelo Parlamentar, impondo na prática apenas o drama e à tragédia  aos cidadãos do nosso estado em função dos milhões de reais dos recursos públicos que foram desviados por este sacripanta que deveriam ser aplicados em merenda escolares, construções e infra estruturas de escolas, estradas,  hospitais e educação.

O que mais me revolta e entristece nessa história toda é acompanhar esta figura com tantas condenações e protagonista de centenas de processos e mesmo assim continua livre, leve e solto, por aí afora, lavando a vida, ops. Levando a vida.
Por: Marcelo Cuiabá,
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
OPINIÕES
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
ENQUETES
VARIEDADES
OPINIÕES
NOTÍCIAS
Copyright © 2010 - Nortão Notícias
Quem Somos  |  Denuncie  |  Contato

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player