Publicidade:
13 de Janeiro, 2021 - 09:15
Pfizer nega venda de vacinas a MT; Mauro detona falta de vontade de Bolsonaro

O governador Mauro Mendes (DEM) revelou nesta quarta-feira (13), que Mato Grosso estava tentando comprar vacinas contra a covid-19 da fabricante Pfizer, mas a farmacêutica negou a continuidade das negociações junto ao Estado. Em entrevista à Rádio CBN, Mauro comentou que a Pfizer informou que no Brasil só negocia junto ao Governo Federal.

O governador detonou a falta de vontade da União em dar início ao plano nacional de vacinação, como já ocorre em outros países, inclusive vizinhos do Brasil.

“É um jogo entre querer fazer e não querer fazer. Parece que não quer fazer a vacina no país e isso está atrasando um pouco. (...) O desempenho na condução desse tema, ao meu ver, não está satisfatório”, comentou.

Mauro ressaltou que Mato Grosso está preparado para vacinar a população, com toda a logística para a distribuição das doses e que possuí estoque de mais de três milhões de seringas para a aplicação, mas o governo está ‘amarrado’, dependendo da decisão federal. Uma reunião que estava marcada para acontecer esta semana entre todos os governadores e o Ministério da Saúde foi transferida para a próxima semana.

Por enquanto, o governador busca informações sobre a liberação da vacinação junto à assessoria do ministro Eduardo Pazuello.


Fonte: repórtermt
Publicidade:
Publicidade:
Publicidade:
Publicidade:
Redes Sociais